US$ R$ 0,00 compra R$ 0,00 venda

00:00:00

Baixe o aplicativo

Disponível no Google Play

Saiba mais sobre o Dólar

Sobre

Símbolo $
ISO USD
Data de Criação: 06 de julho de 1785, Estados Unidos da América
Autoridade Sistema de Reserva Federal dos Estados Unidos
Moedas 1, 5, 10, 25 e 50 cents; 1 dólar
Notas 1, 2, 5, 10, 20, 50 e 100 dólares

Origem

O dólar dos Estados Unidos (em inglês: United States dollar), também conhecido como dólar estadunidense (português brasileiro) ou dólar americano (português europeu) é a moeda oficial dos Estados Unidos e utilizada no mundo inteiro, tanto em reservas internacionais, como em livre circulação em alguns países. Atualmente, sua expedição é controlada pela Reserva Federal dos Estados Unidos.

O nome dollar deriva de thaler (em português táler), abreviação de Joachimsthaler, uma moeda de prata cunhada pela primeira vez em 1518, com prata extraída das minas situadas em torno da cidade de Joachimsthal ("Vale de São Joaquim"), atual Jáchymov, na Boêmia.

Abreviações

O código ISO 4217 para o dólar dos Estados Unidos é USD (que significa United States Dollar), e o Fundo Monetário Internacional refere-se ao mesmo como US$, abreviação que também é muito comum fora dos EUA para designá-lo, uma vez que o dólar foi criado pelos estadunidenses.

Usa-se também o símbolo $, normalmente escrito antes do valor numérico, para o dólar dos EUA, assim como para muitas outras moedas. O sinal foi o resultado de uma evolução, no fim do século XVIII, da sigla "ps", do peso. O p e s, passaram a ser escritos um sobre o outro, dando origem ao $.

Outra explicação popular é que ele vem das Colunas de Hércules no brasão espanhol da moeda espanhola cunhadas no Novo Mundo na Cidade do México, Potosí e Lima. Estas colunas de Hércules nas moedas espanholas de prata assumiram a forma de duas barras verticais (||) com uma faixa de pano balançando na forma de um "S".

Há ainda outra explicação ficcional que sugere que o sinal do dólar foi formado a partir das letras maiúsculas U e S escritas ou impressas uma em cima da outra. Esta teoria, popularizada pela escritora Ayn Rand em Atlas Shrugged, ignora o fato de que o símbolo já estava em uso antes da formação dos Estados Unidos.

Subdivisões

O dólar dos Estados Unidos é dividido em 100 cêntimos ou então em 10 dimes, mas este último é usado hoje em dia somente para designar a moeda de 10 cents. Moedas e notas de um dólar existem simultaneamente, embora notas sejam encontradas mais facilmente. Denominações menores que um dólar são emitidas em moedas, enquanto que as que o superam são emitidas em notas da Reserva Federal (Federal Reserve).

Para dúvidas, sugestões e etc: contato@dolarparareal.com.br